top of page

Tudo para a glória de Deus!

Ontem e hoje, Passado e futuro, Então e agora: tudo se reverta para a glória de Deus.


As coisas no passado aconteceram para que adquiríssemos o aprendizado que temos hoje.

Foram coisas ruins, pecados e erros que cometemos dos quais nos arrependemos como quando dizemos: “Se eu soubesse o que sei hoje, se eu conhecesse Jesus como conheço hoje, não o teria feito. Todavia, nessa hora nos lembramos dos servos de Deus que o conheciam, mas que também pecaram e erraram; ou seja, os erros que cometemos é por causa da nossa fraca humanidade, visto que os servos de Deus também eram seres humanos como nós. É quando nos deixamos levar pelas nossas fraquezas e deixamos de lado a dependência de Deus e a confiança na providência de Deus. É por isso que o ser humano erra comete pecados.


O mais importante é estar alerta para quando as tentações chegarem, quando as situações disserem para fazermos o contrário do que Deus ensina, oremos a Deus, suplicando pelo seu poder sobre a nossa vida para que possamos corresponder aos seus mandamentos, sua vontade, seus propósitos, sua verdade, e, assim, fortalecermo-nos contra toda fraqueza humana.


Como disse o apóstolo Paulo que o espírito está pronto, mas a carne é fraca (Mt 26:41), i.e., aquilo que eu quero fazer, o bem que eu quero fazer eu não faço e o mal que eu não quero fazer eu faço (Rm 7:19,20); é quando, mesmo sabendo que Deus é Deus, que ele é o nosso Deus, que temos os seus mandamentos para respeitar e obedecer, ainda assim caímos na fraqueza da nossa carne.


Contudo, nessa fraqueza, acabamos recebendo de Deus aprendizado, pois não há uma folha que caia que não tenha um propósito divino. Tudo acontece para a glória de Deus; por isso, está escrito “em tudo dai graças” (1 Ts 5:18), até mesmo nessas coisas ruins porque, como está escrito, o Senhor não nos deixará de tudo impune (Jr 46:28); ou seja, vamos responder por aquilo que fizemos, mas, de alguma forma, os nossos erros contribuíram para o nosso aprendizado e que isto hoje seja para a glória de Deus.


Então, que possamos agora não ficar lamentando pelo que passou, pelos erros que cometemos, pelo pecado que cometemos, porque o que foi já foi, e não tem como voltar atrás do que já se encerrou no passado, mas olharmos para a frente, trazendo conosco todo nosso aprendizado para que não venhamos a pecar ou errar de novo, amém. Graças a Deus por tudo!


O mais importante para um cristão é ser obediente aos mandamentos de Deus:


“Não é importante que um homem seja ou não circuncidado. O que é importante é que ele obedeça aos mandamentos de Deus” (1 Co ‭7‬:‭19‬).


Unamo-nos ao Senhor sem distração alguma. Estejamos alertas à nossa missão:


“Eu estou dizendo isso porque quero ajudá-los. Não estou querendo obrigar ninguém a nada. Pelo contrário, quero que façam o que é direito e certo e que se entreguem ao serviço do Senhor com toda a dedicação” (1 Co 7‬:‭35).


Destaque
bottom of page