pEQUENOS eRRo

My Items

I'm a title. ​Click here to edit me.

Igreja não é pra ficar rico de Deus!

Igreja não é pra ficar rico de Deus!

Sinopses dos meus 8 livros:

"O oleiro na mão do Vaso: Deus modelado por homens" - Há uma invasão à verdade de Deus. Líderes da igreja atual têm invertido a ordem dessa declaração de tal modo que agora se percebe "o oleiro na mão do vaso", i.e., Deus na mão do homem, moldado às suas doutrinas teológicas que destoam da realidade bíblica. Líderes eclesiásticos que não assumem a sua posição de vaso na mão do Oleiro tendem a distorcer versículos bíblicos, agindo como usurpadores do Reino e transformando a Igreja de Cristo é um lugar de maldição.
ISBN: 978-65-00-31811-1 "Davis semeiam bênçãos vs. Simeis simeiam maldições" é uma obra que lança novos verbos ao nosso vocabulário bíblico. Esses verbos são provenientes de nomes de personagens bíblicos; portanto, são verbos denominais.
Cada novo verbo enfatiza o modo característico de determinado personagem respectivamente ao seu caráter, comportamento, suas ações, reações, emoções etc. "Moisear", por exemplo, sugere a ideia de um líder fiel da comunidade cristã que baseia a sua obra única e exclusivamente na palavra e no poder de Deus. ISBN: 978-85-913659-5-1 "PALAVRAS: Vozes da Alma" chega para fazer você lembrar daqueles momentos difíceis ou maravilhosos que estava passando quando pela graça de Deus você foi até a Página Palavras do Facebook e encontrou uma mensagem exatamente de acordo com a situação que você estava vivenciando. E, então, você disse: “Poxa, que bênção, esta mensagem tem tudo a ver com o que estou passando!” Pensando neste teu momento tão importante, decidi colocar em um livro tudo o que você leu e recebeu no coração a fim de que não se perdesse em meio às rolagens da página. Concentrei tudo aqui para que você possa acessar com maior facilidade cada mensagem que tenha te tocado. Boas lembranças o aguardam, forte abraço! ISBN: 9788591365944 “Entre a fé e o desejo: a divisão da masturbação” nasceu do desejo de ajudar pessoas, jovens e adultos, no esclarecimento quanto à questão da sexualidade solitária haja vista muitos terem dúvidas sobre o fato de esta forma de saciar o apetite sexual ser pecaminosa ou não. O sexo foi feito para o casamento. Mas será que o sexo solitário não foi feito para os solteiros, e também para os casados? Será que cometer este ato é um deslize na fé, na obediência aos princípios bíblico-cristãos? O tema foca principalmente o ambiente religioso, mais do que o secular, pois a questão principal é se este ato seja pecado. Assim, a resposta que se busca é especialmente voltada para aqueles que a buscam em Deus. O mundo aqui não está sob julgamento, já que não se importa com o Reino de Deus. O mundo diz: “Não temos rei, senão César” (Jo 19:15). Todavia, fiquem os cristãos com esta palavra: “Ao Rei eterno, ao Deus único, imortal e invisível, sejam honra e glória para todo o sempre. Amém” (1 Tm 1:17). ISBN: 9788591365937 “SEXO COM DEUS" pretende mostrar o sexo na visão de Deus e a relação das ações humanas com o sexo e outras necessidades. Busca, ainda, numa perspectiva bíblica, auxiliar na busca por uma solução para problemas decorrentes dessas ações. Trata ainda do entendimento de que tudo foi criado por Deus. Todos os seres, todas as coisas, todos os sentimentos, e tudo o que possibilita a relação entre eles foi criado por Deus. No entanto, como Deus deu o livre-arbítrio à humanidade a fim de que se tornasse responsável por suas ações, ele não robotiza ninguém. Cada pessoa é livre para fazer ou não fazer o que lhes convém ou não convém de modo que jamais poderão culpar Deus pelas consequências de seus maus atos que, dependendo da ótica, podem ser considerados como erros ou pecados.
ISBN: 978-85-411-0933-8 “scr@ps.com.JC” trata de alguns temas interessantes relacionados à vida sociovirtual nas esferas espiritual, sentimental, familiar, buscando uma visão mais profunda acerca de mensagens de autoajuda mediante esclarecimento bíblico. De forma descontraída e iluminada, o livro é recheado de imagens e fontes diversificadas de modo que auxilie na ilustração de cada texto e de cada seção. JC=JesusCristo ISBN: 978-85-913659-1-3 “EDE - O ALTAR DO TESTEMUNHO” narra a trajetória de vida de uma mulher cuja busca incessante por descobrir a verdade acerca de assuntos relacionados à espiritualidade resultou em inúmeras consequências, influenciando sua estrutura trina – corpo, alma e espírito. Todavia, Deus em sua infinita misericórdia estendeu sua mão em seu socorro no momento perfeito que ele criou para o resgate pleno de sua vida, concedendo-lhe o desejo de seu coração ao ouvir a voz daquele que é A Verdade! ISBN: 978-85-913659-0-6 “S.E.I.T.A.S.” - Subversores Espirituais Intentam Trágicos Assaltos Satânicos - oferece elementos essenciais para explicar de forma sucinta o fenomenal surgimento das seitas, orientar sobre os perigos decorrentes de suas práticas, descrevê-las em seus traços característicos – ritos, símbolos, costumes – para esclarecer ao leitor seu real significado. Esta obra visa ainda um fim específico: refutar doutrinas falsas com base em princípios bíblicos para que o leitor encontre em o Único Deus Verdadeiro o conhecimento necessário e correto para combater as subversivas influências no tocante à vida espiritual, conduzindo-o, assim, ao Único Caminho – Jesus Cristo, o Salvador. ISBN: 9788591365920

Participação da Autora Monica Campello nas seguintes antologias:
1) "Quarentena – Memórias de um País Confinado - Brasil" com a crônica: ANTES – 40ENA – DEPOIS: o confin@mento internético! ISBN: 978-989-52-8940-0 2) "REGISTROS FEMININOS" - Coletânea de Autoras Brasileiras Contemporâneas. Chiado Editora. ISBN 9895277814. 3) "Além da Terra, Além do Céu" - Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea - Vol. IV. Minha poesia se encontra na página 394: "Poema de amor cristão". ISBN: 9789895271351
4) "Liberdade" - Liberdade - Antologia da Literatura Livre Vol. II Edição BR - Tomo 2. ISBN: 978-989-37-1771-4 VISITE E ADQUIRA! O oleiro na mão do Vaso: Deus modelado por homens - https://clubedeautores.com.br/livro/o-oleiro-na-mao-do-vaso Davis semeiam bênçãos vs. Simeis simeiam maldições - 2019
https://clubedeautores.com.br/.../davis-semeiam-bencaos... PALAVRAS: Vozes da Alma - 2017
http://www.clubedeautores.com.br/book/231262--PALAVRAS... Entre a fé e o desejo: a divisão da masturbação - 2017
http://www.clubedeautores.com.br/.../229220--Entre_a_fe_e... ​Sexo com Deus - 2015
http://www.martinsfontespaulista.com.br/.../monica...
http://www.allprinteditora.com.br/sexo-com-deus
http://www.ciadoslivros.com.br/sexo-com-deus-703643-p547188 scr@ps.com.JC - 2013
Colorido
http://www.perse.com.br/novoproje.../WF2_BookDetails.aspx...
P&B
http://www.perse.com.br/novoproje.../WF2_BookDetails.aspx... Ede, o altar do testemunho - 2012
http://www.perse.com.br/novoproje.../WF2_BookDetails.aspx... S.E.I.T.A.S. - 2010
http://www.clubedeautores.com.br/book/194945--SEITAS...
http://www.perse.com.br/novoproje.../WF2_BookDetails.aspx... ANTOLOGIAS Liberdade - https://www.livrariaatlantico.com.br/pd-8b81f6-liberdade-antologia-da-literatura-livre-vol-ii-edicao-br-tomo-2.html?ct=&p=1&s=1 Quarentena – Memórias de um País Confinado - Brasil
https://www.chiadobooks.com/.../quarentena-memorias-de-um... Registros Femininos​
https://www3.livrariacultura.com.br/registros.../p... Além da Terra. Além do Céu
https://www3.livrariacultura.com.br/alem-da-terra.../p...

Sinopses dos meus 8 livros:

Estéreis e férteis: bem-aventuradas de Deus

Bem-aventuradas as estéreis e os ventres que não geraram, assim como as não estéreis e os ventres que geraram. “Felizes as mulheres que nunca tiveram filhos, que nunca deram à luz e que nunca amamentaram!” (Lc 23:29‬). Ao fazer meu devocional, abri a Bíblia em Lucas 23:14 e prossegui lendo até o versículo 31. O versículo 29 me fez lembrar da fala de uma parente sobre a felicidade de não se terem filhos — como eu e outras mulheres presentes no momento da conversa — por causa da enormidade da preocupação, desgaste, sofrimentos, dores na alma, desassossego, e tantas outras situações que nunca mais permitem que mães vivam a vida livre dessas circunstâncias provenientes de ataques aos seus filhos. As mães são felizes por serem mães, uma felicidade indizível, indescritível. As não-mães, que conhecem Jesus, aceitam e respeitam a vontade de Deus sobre suas vidas; as que não conhecem, lamentam a falta dessa felicidade — eu tenho as duas experiências. Graças a Deus, o Senhor me trouxe à primeira. Na foto “O ventre da mulher estéril” consta o versículo que prova a soberania de Deus sobre a sua criação de modo que só acontece o que Deus sabe ser o melhor para suas criaturas mediante sua onisciência e presciência. Deus sabe de todas as coisas que nós não conhecemos e sequer imaginamos o porquê, mas ele nos priva de um mal que nos assolaria, porque quer o nosso bem para a sua glória. Como “para a sua glória”? Pela oportunidade de cada mulher abençoada poder testemunhar do seu poder a todos de seu convívio através da permissão divina para a realização de uma bênção, seja a de realizar o sonho da maternidade ou de não o realizar. Devido à desgraça universal que acomete todas as épocas, a esterelidade — algo desprezado pelo mundo bíblico nos tempos de Jesus (Mc 1:25) — pode ser considerada uma circunstância feliz visto que uma mãe que vê seu filho em sofrimento experimenta na própria pele um sofrimento pior; É nesse sentido que para uma mãe que ama o seu filho o pensamento natural é de que teria sido melhor se o filho não tivesse nascido, seria melhor se fosse estéril, de modo que não assistiria o sofrimento do filho. Jesus se coloca no lugar das mães sofredoras pelos males que acometem seus filhos amados. Assim, “felizes as estéreis” não é uma afronta às mulheres não estéreis, mas uma referência ao desejo de que as injustiças do mundo não existissem, de que a tendência do mundo se direcionasse a melhores condições de vida de modo que a paz pudesse predominar e perdurar. E assim, os filhos que somos todos nós não sofreríamos as desgraças de um mundo mau desprovido da graça de Deus, mas viveríamos esperanças em detrimento da desesperança, coisas boas poderíamos esperar sem desesperar se toda a humanidade se submetesse às instruções de Deus, aos seus diversos conselhos existentes no Livro Sagrado, a Bíblia, que a grande maioria da humanidade despreza. Todavia, em ambas as situações, o mais importante é a resiliência em face das intempéries, a capacidade natural para se recuperar de situações adversas, de superar casos problemáticos, de se adaptar às mudanças dolorosas ou aos infortúnios inevitáveis, manifestar estoicidade através de uma tranquilidade imperturbável, aceitar pacificamente uma determinada situação mediante uma reação positiva face às adversidades, tudo se resumindo em uma resignação diante da perfeita vontade de Deus para a vida de cada pessoa; no caso específico desse contexto, de cada mulher estéril ou não estéril. A foto do meu ventre estéril quando queria engravidar, mas não aconteceria assim. A paz na minha alma foi o que recebi de Deus e diante da sua vontade revelada aprendi o essencial para minha vida pessoal no tocante a compreender o que realmente é uma bênção de Deus, ou seja, não necessariamente aquilo que queremos, mas aquilo que Deus sabe que é o melhor para nós, e agradeci a Deus por tudo isso: a dupla bênção de não ter o que antes desejava, e de ter o que me era melhor. Como é feliz ser mãe e depois avó e depois bisavó e depois trisavó e depois tataravó, e como é bom também não o ser, pelo abençoado fato de estarem ambas debaixo da vontade soberana de Deus!

Estéreis e férteis: bem-aventuradas de Deus

Beba da tua própria cisterna!

A fidelidade conjugal e a sabedoria da atividade sexual dentro do casamento (vs. 15-20) “Bebe águas da tua própria cisterna, e águas correntes do teu próprio poço” (Pv 5:15). As águas aqui se referem ao prazer sexual. Homens e mulheres buscam e precisam da água do prazer sexual, pois o SENHOR colocou neles um grande desejo e uma necessidade dessa água (Gn 2:18; I Co 7:2,9) Sua própria esposa é uma das grandes dádivas de Deus, pelo que os maridos devem agradecer. O homem sábio bebe desse prazer apenas com sua esposa, e não com outras mulheres, pois ele sabe que Deus julgará os prostitutos e os adúlteros (Hb 13:4). Nenhum homem e nenhuma mulher precisa da cisterna alheia, mas só da sua própria porquanto suficiente para satisfazer as suas necessidades. Fuja das “cisternas” fora de casa, pois sexo no casamento é abençoado por Deus, mas fora do casamento é uma maldição. Você tem sua própria cisterna; beba somente dela. Você deve se limitar à sua própria mulher e rejeitar qualquer pornografia ou simples concupiscências que levam ao pecado, como disse Jesus que basta um olhar e já o pecado se consuma (Mt 5:28). Comparando o sexo com a água, se está faltando sexo em casa, é possível que a bomba para tirar água precise ser consertada. Existe algo errado com a saída de água. Pense nisso! Muito importante saber as coisas de Deus e como Deus pensa. Por que a metáfora da cisterna? Na aridez de Israel, uma cisterna deveria ser resguardada por ter um grande valor, pois ela tem o potencial de reservar água suficiente para suprir as necessidades de todos os seres. No entanto, é necessário que se faça uma análise da água para conhecer seu nível de potabilidade e, assim, avaliar se é própria ou imprópria para o consumo humano, analogamente à maneira de se realizar sexualmente, se própria no casamento ou imprópria fora dele. Também, considerando a esfera científica, a analogia com a cisterna se dá porque as cisternas formam o complexo golgiense que origina o acrossoma — uma vesícula encontrada na cabeça dos espermatozoides que contém enzimas necessárias para a penetração desse gameta no ovócito secundário. O acrossoma é essencial para a realização da fecundação através do ato sexual. O complexo golgiense, complexo de Golgi ou aparelho de Golgi, recebeu esse nome em homenagem ao primeiro pesquisador que descreveu essa estrutura, no século XIX, Camillo Golgi. É uma organela formada por uma série de vesículas achatadas, denominadas de cisternas, que possuem porções laterais mais dilatadas. Nessas cisternas, que estão dispostas na célula como uma pilha, há diferentes enzimas, as quais variam de acordo com a posição da cisterna no complexo. Os produtos liberados no complexo sofriam modificações e passavam de uma cisterna para a outra por meio de vesículas. Ler na íntegra em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/complexo-golgi.htm

Beba da tua própria cisterna!

Inveja, xô!

Inveja nem sempre é pelo ter, mas pelo ser. Contudo, não desanime quando uma pessoa invejosa persegue você. Persevere em ser bom, em fazer o bem sem ver a quem, mesmo que digam que você não é ninguém, pois Deus sabe quando alguém é alguém do bem. Portanto, não se importe com opiniões que não valem um vintém.

Inveja, xô!

Promessa de restituição

Promessa de Deus: promessa de restauração, de esperança, de libertação do cativeiro e do exílio, de paz e prosperidade. Vamos comparar estes dois textos e compreender como ser derrotado e ser vitorioso: “Este Templo virará um monte de ruínas, e todos os que passarem por perto dele ficarão chocados e espantados e perguntarão: “Por que foi que Deus fez isto com esta terra e com este Templo?” E a resposta será: “Foi porque os israelitas abandonaram o Senhor, seu Deus, que tirou os antepassados deles do Egito. Eles seguiram outros deuses, e os adoraram, e os serviram. Foi por isso que o Senhor fez com que toda esta desgraça caísse sobre eles.”
‭‭1Reis‬ ‭9:8-9‬ ‭NTLH‬‬ “Jerusalém será para mim um motivo de alegria, de honra e de orgulho. E todas as nações do mundo vão tremer de medo quando ouvirem falar das boas coisas que estou fazendo para o povo de Jerusalém e do progresso que estou trazendo para esta cidade. O Senhor Deus disse: — Andam dizendo que este lugar é como um deserto, sem gente e sem animais. É verdade que as cidades de Judá e as ruas de Jerusalém estão vazias, sem gente e sem animais. Porém nesses lugares vocês ouvirão de novo gritos de alegria e de felicidade e o barulho alegre das festas de casamento. Vocês vão ouvir pessoas cantando e trazendo ofertas de gratidão ao meu Templo. Elas cantarão assim: “Deem graças ao Senhor Todo-Poderoso porque ele é bom, e o seu amor dura para sempre.” Eu farei com que nesta terra haja tanta prosperidade como antes. Eu, o Senhor, estou falando.”
‭‭Jeremias‬ ‭33:9-11‬ O Senhor faz coisas que pasmam as pessoas conforme nossas atitudes para com ele. Se lhe obedecermos, povos pasmarão pela nossa vitória; se não, pasmarão pela nossa derrota. Quanto à vitória, Deus nos diz:

“Clama a mim, e responder-te-ei e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes, que não sabes.”
‭‭Jeremias‬ ‭33:3‬

Promessa de restituição

Não se aflija!

Não, Senhor, eu não vou falar agora sobre os meus problemas. Eu estou preocupada, mas, primeiro, eu quero ouvir a tua voz falar ao meu coração. Então, o Senhor me respondeu na sua palavra:

“Jesus ficou muito aflito” (Jo 13:21‬). “Jesus disse: ‘Não fiquem aflitos. Creiam em Deus e creiam também em mim. Não fiquem aflitos, nem tenham medo’” (Jo 14:1‬,27). Como Deus encarnado, vivendo em corpo de homem, Jesus estava sujeito às aflições porque isso é natural para o ser humano, mas, sob a sua condição divina, ele precisava conhecer na carne a dor do homem, e ser o nosso exemplo na carne em face das adversidades. Assim, ele diz “no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo” (Jo 16:33). Ou seja, ele teve aflições e venceu todas elas para que, sendo nosso exemplo, lutemos juntamente com ele para vencê-las também. “Juntamente com ele” porque é Deus e como homem venceu. É o poder de Deus juntamente com a força do homem para vencer o próprio homem. Conhecendo plenamente o homem pelo fato de também ser e estar como homem, faz o homem saber a que veio: tratar de cada problema existencial de qualquer ordem em toda vida humana; por isso, veio ao nosso encontro em corpo de carne. Contudo, Jesus tem controle sobre toda aflição porque antes de ser homem é Deus. No entanto, em sua onisciência divina, Jesus sabe que nós não temos esse mesmo controle, pois somos incapazes de administrar perfeitamente nossos sentimentos, emoções e circunstâncias sem a sua sabedoria. Por isso, ele nos admoesta a não ficarmos aflitos, mas que confiemos nele, colocando sobre ele toda a nossa carga (Mt 11:28-30), porque ele tem poder para carregá-la e nós não. Por isso, ele diz: “E tudo o que vocês pedirem em meu nome eu farei, a fim de que o Filho revele a natureza gloriosa do Pai. O Pai lhes dê tudo o que pedirem em meu nome. Se vocês pedirem ao Pai alguma coisa em meu nome, ele lhes dará” (Jo‬ ‭14:13‬; 15:16; 16:23).

Não se aflija!

QUANDO SOU FRACO, SOU FORTE!

Nossas fraquezas (Hb 4:15). Jesus se compadece da minha fraqueza quando um fraco me atinge. Dores desnecessárias: decepção e indignação com aquilo que já conhecemos e que não é nenhuma surpresa; apenas uma renovação diária como que parafraseando a palavra de Deus, sendo porém: “sua falsidade se renova a cada manhã.”

QUANDO SOU FRACO, SOU FORTE!

O POVO FALA O QUE QUER E NÃO SABE

“Crucifique-o! Crucifique-o!” Os gritos deles prevaleceram e Pilatos decidiu fazer o que eles queriam que era soltar o homem que tinha sido preso por arruaça e por assassinato. E lhes entregou Jesus para fazerem com ele o que queriam fazer. (Lc 23:21, 23-25) Jesus ser crucificado era necessário para o cumprimento das Escrituras e, portanto, a manifestação da vontade de Deus, e, para isso, o povo contribuiu sob o auspício da ignorância, pois se o povo soubesse quem era Jesus, não teria pedido a morte dele. Às vezes, o povo faz e fala o que Deus quer, mas não faz e fala o que Deus quer porque o que Deus quer é que seu povo aprenda para não ter de fazer ou falar o que não deve. antes Deus quereria que o povo conhecesse, amasse e respeitasse Jesus para não fazer o mal que fizeram; Deus preferia que eles fizessem o bem. Por isso, a voz do povo não é a voz de Deus por mais que pareça ser, pois há vício nesse argumento.

O POVO FALA O QUE QUER E NÃO SABE

Leia o livro "O oleiro na mão do vaso: Deus modelado por homens"

Aprendamos a verdade sobre os atuais líderes famosos das igrejas empoderadas que geram muitos lucros aos seus cofres pessoais. É preciso aprender as doutrinas que saem da boca de Deus que são a verdade e não da boca de homens religiosos que falam mentiras e enganam o povo de Deus. O POVO PERECE POR FALTA DE CONHECIMENTO. (Is 4:6) Este provérbio é frequentemente corrompido para seduzir as igrejas a tomarem altas somas de dinheiro para financiar projetos de construção desnecessários. A "visão" é o plano para aumentar o tamanho da igreja; e o "perecer" é o continuar no mesmo curso de uma construção adquirida e paga. Que travestimento de interpretação bíblica! Que o SENHOR possa lhe abençoar ao ler e compreender o sentido deste provérbio, da mesma forma em que Esdras leu e transmitiu o verdadeiro sentido a Israel (Ne 8:8): "Onde não há visão profética, o povo perece" (Pv 29:18). (.LetGodBeTrue.com) Está escrito: "Vocês estão nas minhas mãos assim como o barro está nas mãos do oleiro" (Jr 18:6). No entanto, há uma invasão à verdade de Deus. Líderes da igreja atual têm invertido a ordem dessa declaração de tal modo que agora se percebe "o oleiro na mão do vaso", i.e., Deus na mão do homem, moldado à sua vontade, aos seus caprichos e prazeres, aos seus interesses terrenos em detrimento dos eternos, à sua maneira de interpretação em detrimento da verdade escriturística, às suas doutrinas teológicas que destoam da realidade divina, jargonizando a fé para o alcance de bênçãos imediatas que refletem ensinamentos antibíblicos: “EU determino!” “EU declaro!” “EU profetiizo!” “EU... EU...EU...” - dEUs. Nem todos os líderes eclesiásticos são usurpadores do Reino, mas os que não assumem a sua posição de vaso na mão do Oleiro tendem a distorcer a verdade de Deus explícita nas Escrituras Sagradas em favor de teologias que não lhe correspondem, pois não interpretam fielmente os versículos bíblicos, colocando as coisas do homem acima das coisas de Deus: não buscam em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça (Mt 6:33), mas querem que todas as coisas lhes sejam acrescentadas; não buscam o pendor do Espírito, mas da carne e suas necessidades temporais. O propósito de Deus é que cada filho seu tenha o caráter de seu Filho, Jesus. Afinal, somos herdeiros de Deus e coerdeiros com Cristo (Rm 8:6,17). O termo teologia designa o estudo sobre Deus, mas isso não significa que toda teologia tenha credibilidade. A teologia que versa sobre Deus como centro se pauta em uma abordagem séria e responsável dos livros sagrados do Antigo e do Novo Testamento sob um enfoque panorâmico que trata da revelação divina à humanidade desde a sua queda até a sua salvação por Cristo, ressaltando ensinamentos cuja exegese se harmoniza com o texto bíblico. A Igreja de Cristo, no entanto, lugar sem ruga nem mácula, onde se deve ensinar a doutrina de Deus pura e santa deve ser um lugar de bênção, e não de maldição. Para tanto, devem-se evitar vozes estranhas como profetadas e linguagens ininteligíveis, barganhas com Deus, curas por milagreiros, falso pentecostalismo como cair no espírito, imitações de animais, malabarismos corporais em danças e rodopios etc. que resultam em um culto irracional, em contradição a Romanos 12:1, baseado em doutrinas de demônios onde se cometem blasfêmias contra o Espírito Santo (Mt 12:31). Isso definitivamente não á a Igreja de Jesus Cristo, a Árvore da Vida cujos frutos são bons e aprovados por Deus para alimentar a mente, o coração e o espírito. (Mt 7:16; Jo 15:1-5) “Desperta, ó tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá” (Ef 5:14). ISBN 9786500318111

Leia o livro "O oleiro na mão do vaso: Deus modelado por homens"

Deus te cura hoje!

Perguntei ao Senhor: “Eu estou curada mesmo, Senhor? O Senhor me deu esta bênção?“ E assim o Senhor me respondeu: “O seu pai perguntou: — O que é que você quer? — Eu quero um presente! Dá-me uma bênção. — respondeu ela. Então Calebe lhe deu as fontes superiores e as fontes inferiores E o Senhor os ajudou” (Jz 1:14-15, 22-23). O Senhor também me deu um presente: a minha cura nos membros superiores e inferiores. Eu disse ao Senhor: ‘Como farei esta missão neste estado em que me encontro! Não tenho a mínima condição’. O Senhor me ouviu e atendeu o desejo do meu coração e me ajudou, dando-me a cura durante a madrugada. Quando acordei de madrugada cheia de dor por todo o corpo, todos os meus ossos e juntas doloridos de tal maneira que pensei: “Acabou!“, pensei que era o meu fim, que minha saúde estava totalmente debilitada como que me levando à perda da esperança de uma vida saudável. Mas ao acordar de manhã e me levantar já não existia nenhuma dor. O Senhor me curou. Deus Jeová Rafá, Aleluia! Na verdade, todo aquele processo da madrugada pelo qual estava passando era o Senhor me curando. Primeiro a divina dor, depois o divino favor.

Deus te cura hoje!

O Senhor me ajudará. O meu socorro vem do Senhor.

Obedeci à voz de Deus Eu sou bendita do Senhor pela obediência de Abraão. E, como Abraão, preferi ouvir a voz do Senhor e lhe obedecer (Gn 22:18), pois li o que ele me mandou ler, e não o que eu pensei que deveria ler; a leitura da Bíblia não é do jeito que queremos, não é para ler o que pensamos que deve ser lido, mas o que o Senhor nos direciona para ler para dele recebermos a bênção designada. E o Senhor Jeová Jireh me dará tudo de que preciso, proverá todas as minhas necessidades. “Deus proverá. O Senhor proverá. O Senhor Deus dá o que é preciso. O Senhor vai providenciar” (Gn 22:8, 14). O Senhor ajuda o judeus e eu sou judia pela fé. A ajuda de Deus para minha vida não pode ser anulada por que foi decretada pelo Senhor Jesus, o meu Deus. “Agora é o momento de escreverem outro decreto em nome do rei para ajudar os judeus. Façam isso da maneira que vocês acharem melhor. Depois selem esse decreto com o anel oficial do rei. Pois nenhuma carta escrita em nome do rei e selada com o anel do rei pode ser anulada.” Ester 8:8 Sou judia de Deus “Em todas as províncias, cidades, e lugares onde chegava a ordem do rei, havia júbilo e alegria entre os judeus, que celebravam com festas e banquetes. Por todo o reino muitos tornavam-se judeus por causa do temor que tinham aos judeus.” Ester 8:17 “Bem-aventurado aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos! Pois comerás do trabalho das tuas mãos, feliz serás, e te irá bem.” Salmos 128:1-2

O Senhor me ajudará. O meu socorro vem do Senhor.