top of page

pEQUENOS eRRo

My Items

I'm a title. ​Click here to edit me.

CHEIRO SUAVE

CHEIRO SUAVE

EU SOU DO SENHOR A oferta que agrada a Deus tem cheiro suave. Se o que ofereço e consagro a Deus passa a não ter cheiro suave, mas um cheiro desagradável, então essa oferta também se tornará desagradável a Deus. “Em cheiro suave” (Ez 16:19), só o que agrada a Deus (2 Co 2:15; Fp 4:18), o cheiro que representa a aprovação de Deus diante de tudo o que lhe oferecemos com sinceridade e obediência à sua palavra que nos ensina a lhe ofertar sempre o melhor como forma de adoração e devoção ao nosso Senhor Jesus. Se nós, sendo simples criaturas, sentimo-nos entristecidos quando abandonados pelos outros, imaginemos como Deus se sente sabendo que as suas criaturas o abandonam? ”Os sacerdotes não disseram: Onde está o Senhor? E os que tratavam da lei não me conheceram, e os pastores prevaricaram contra mim, e os profetas profetizaram por Baal e andaram após o que é de nenhum proveito. A tua malícia te castigará, e as tuas apostasias te repreenderão; sabe, pois, e vê, que mau e quão amargo é deixares ao Senhor, teu Deus, e não teres o meu temor contigo, diz o Senhor Jeová dos Exércitos” (Jr‬ ‭2‬:‭8‬,19‬). Muitos dizem que não vão mais transgredir, porém continuam se corrompendo e se encurvando diante de coisas que não agradam a Deus (Jr 2:20). Isso é o mesmo que abandonar a Deus. Assim, esquecem o concerto que o Senhor fez com eles, tornando-os seus e lhes dando bênçãos sem medida. Quão fraco é o coração deles! (Ez 16:8,19,30). Precisamos ser fiéis a Deus como ele é fiel a nós quando temos comunhão com ele. Sabemos que somos humanos, mas Jesus, o Verbo, fez-se carne e andou no meio de nós para nos mostrar que, mesmo sendo humanos, nós podemos amar a Deus e sermos agradáveis a ele sem lhe causar nenhuma decepção. Precisamos nos voltar para Deus, pedir perdão a ele por todas as nossas falhas, culpas, erros e pecados, mesmo quando entendemos que não percamos, mas sem querer pecamos. O Senhor é bom, e, diante da nossa confissão e arrependimento sincero, ele nos perdoa. Obrigada, Senhor. Haja paz em nossos corações! Frutifiquemos para o Senhor. Demos bons frutos a Deus. Plantemos boas sementes para Jesus. Amém.

Jesus acima da lei do sábado

Jesus acima da lei do sábado

Jesus é Senhor do sábado (Mt 12:6). A guarda do sábado é o selo de Deus no Antigo testamento; porém, no Novo Testamento o selo de Deus é a presença do Espírito Santo na vida dos fiéis. A lei no Antigo Testamento servia de sombra que era uma imagem imperfeita da graça que viria em Jesus no Novo Testamento. (Cl 2:17). Jesus é luz e por isso não tem sombra. Ele apagou as sombras com a sua própria luz. Pela sua graça, as sombras da lei deixaram de existir. As sombras foram abusadas por infiéis, mercenários e revoltosos que se revelaram sombrios e tenebrosos contra tudo que se levantasse contra eles. Mas eles mesmos "levantaram" Jesus!!! Ou seja, crucificaram-no. E ainda há sombras que persistem em existir!!! No vídeo LIVE: O QUE FALTA PARA JESUS VOLTAR?, no trecho que começa à 1:08:10h, Rodrigo Silva se contradiz ao dizer que uma pessoa pode ajudar a ADRA em dia de sábado, visto que o mesmo Deus que manda guardar o sábado (no Antigo Testamento) falou que é lícito fazer o bem no sábado (no Novo Testamento). Ele diz veementemente que se ele tiver de fazer um depósito bancário no sábado, ele o fará. O que se depreende disso é uma ação de conveniência cuja base doutrinária é cumprida ou descumprida por quem a defende. A palavra de Deus diz que ninguém deve ser morno (Ap 3:16): ou é ou não é; ou cumpre ou não cumpre. Todavia, a ação defendida no vídeo apresenta um meio-termo - nem frio nem quente - que, de acordo com a Bíblia, é antibiblico. Não tem como pregar a guarda do sábado como uma lei a ser cumprida, e lhe abrir uma brecha sempre que for necessário deixar de aplicá-la. Permanecer guardando o sábado, na Nova Aliança, após a descida do Espírito Santo já é uma doutrina antibiblica, porque agora Jesus é Senhor do sábado, e não o contrário. Jesus está acima do sábado, e por isso nos liberta da lei para que possamos fazer a sua obra sob a graça que veio após o seu advento, ressurreição e ascensão ao céu. Hoje vivemos sob a graça de Deus - Jesus - e não sob a lei. Permanecer aplicando a lei após o sacrifício de Cristo é o mesmo que rejeitá-lo.

Ceia com Jesus

Ceia com Jesus

Ceia espiritual: ALIMENTO DE AMOR Mas este é o concerto que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o Senhor: porei a minha lei no seu interior e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo. (Jeremias 31:33) “Tomem e comam. Isto é o meu corpo, que é entregue por vocês. Façam isso para se lembrarem de mim”. “Este cálice é a nova aliança do meu sangue. Façam isso em memória de mim, toda vez que o beberem”. (1 Co 11:24,25) “Enquanto comiam, Jesus pegou o pão e deu graças a Deus por ele. Depois, partindo-o, o deu a seus discípulos, dizendo: — Peguem e comam; isto é o meu corpo. Em seguida, Jesus pegou o cálice e deu graças a Deus por ele. Depois, passando-o a seus discípulos, lhes disse: — Bebam deste cálice, todos vocês. Isto é o meu sangue, que sela a aliança entre Deus e seu povo. Esse sangue é derramado em favor de muitos para que Deus perdoe os pecados deles” (Mt‬ ‭26‬:‭26‬-‭28‬). O Senhor Jesus não quer de nós uma prática obrigatória, mas uma ação que provém do corAÇÃO, i.e., uma ação que seja feita por amor a Deus e não para agradar a homens religiosos que transformam o amor de Cristo num ritual, num cerimonial religioso. Quantos hoje vão à igreja para tomar a Santa Ceia com o coração dominado por sentimentos dos quais não querem se desprender, como o sentimento de vingança, de ódio, de inveja, de ostentação, de jactância, de arrogância, de ciúme, de disputa etc., sem reconhecer suas falhas que os leva ao verdadeiro arrependimento a ponto de a partir daquele momento nuca mais cometerem tais pecados que desagradam a Deus , porém agradam aos seu próprios corações? Onde há santidade nisso: comer do pão e beber do vinho sem a ação de um santo, porque se arrependeu de fato, em espírito e em verdade? O que é a Santa Ceia então? É estar dentro das quatro paredes do coração segundo a vontade de Deus e não de um prédio de quatro paredes de pedra onde se põe em prática o sistema religioso em detrimento do verdadeiro sentido do evangelho conforme pregado por Cristo. Quer ser de Deus? Siga a Deus e não a homens religiosos! Fazei isto todas as vezes que comerem e beberem em memória de mim! Isto é para ser feito TODOS OS DIAS e não somente em um dia especifico do mês. Todos os dias devemos estar vigilantes quanto aos nossos corações para podermos perceber o que estamos pensando, dizendo ou fazendo, e sermos abençoados por Deus para percebermos as nossas falhas sentimentais, emocionais, mentais, espirituais, e buscarmos a correção imediata mediante pedido de perdão sincero a Deus. Aí, sim, ao se examinar (1 Co 11:27), verá que é digno de estar com Cristo e ser chamado pelo seu nome: filho de Jesus, crente fiel de Deus, aquele a quem Jesus diz: “Eu te conheço”. Texto bíblico de base: 27 Portanto, se alguém comer esse pão e beber desse cálice do Senhor de maneira indignada, é culpado de pecado contra o corpo e o sangue do Senhor. 28 É por isso que um homem deve examinar-se cuidadosamente a si mesmo, antes de comer o pão e beber do cálice. 29 Porque, se ele comer o pão e beber do cálice indignadamente, sem considerar que se trata do corpo do Senhor, está comendo e bebendo o julgamento de Deus sobre a sua própria vida. 30 É por isso que muitos de vocês estão fracos e doentes, e alguns até já morreram. 31 Entretanto, se examinarmos cuidadosamente a nós mesmos, não precisaríamos ser julgados e punidos. 32Contudo, quando somos julgados e castigados pelo Senhor, é para não sermos condenados com o resto do mundo. 33 Assim, queridos irmãos, quando se reunirem para a Ceia do Senhor, esperem uns pelos outros; 34 se alguém estiver com fome, que primeiro coma em casa, para não prender castigo sobre si mesmo quando vocês todos se reunirem. Falarei com vocês a respeito dos outros assuntos depois que chegar aí. (1 Co 11:27-34)

Caminho de paz

Caminho de paz

“Porém, ele respondeu: “Eu preciso pregar a boa-nova do Reino de Deus em outros lugares também, porque foi para isso que fui enviado”.” ‭‭Lucas‬ ‭4‬:‭43‬ Jesus pregava a boa-nova do Reino assim como nós precisamos pregá-la. Para isso ele foi enviado, e também nos enviou para cumprir a mesma missão. Se uma pessoa ouve a nossa pregação e busca colocá-la em prática em obediência a Deus, ela será abençoada em todos os sentidos; porém, se ela não quiser ouvi-la e praticá-la, ela é responsável pelas consequências da sua escolha. Há milhares de pessoas que não aceitam Israel como povo escolhido por Deus; eles estão no seu direito de praticar o seu arbítrio. Contudo, a palavra de Deus é uma só.

Xô, mágoa!

Xô, mágoa!

XÔ, MÁGOA!!! Quando percebemos que estamos magoados com alguém e isso dói, e em vez de ficarmos remoendo a mágoa, nós decidimos orar a Deus para nos libertar daquele mau sentimento, o Senhor provê uma saída, um escape que vai nos fazer esquecer aquilo que nos fere. O Senhor nos dá uma atividade tão necessária, que toma o nosso tempo, e nos envolve por tanto tempo que não queremos pensar em outra coisa, perder tempo com outra coisa; queremos mesmo é fazer o que temos de fazer, cumprir nossa tarefa. E sabe o que acontece? Aquela mágoa some, vai embora, e não dói mais, e nem lembramos mais, e ficamos bem e em paz. Importante: sempre lembrar dessa experiência para não cair de novo em nenhuma mágoa por causa de um “nada” que só nos leva para baixo. Interessante é que o título da novela hoje era “Arrependimento e mágoa”. E Joabe se arrependeu devido ao mal que fizera e pediu a Deus para que lhe permitisse ir para o mesmo lugar que os que creram em Deus foram. E perguntou a Deus por que Deus perdoou tanto Davi visto que Davi também pecou muito. Mas nesta hora me veio o entendimento de que Davi pecou, várias vezes, mas a cada pecado, ele se arrependia e logo se voltava para Deus, pedindo perdão e misericórdia e libertação. E, detalhe, ele se corrigia e não voltava a cometer aquele pecado. Um aprendizado praticado diariamente. Joabe só se arrependeu na hora da morte; creio que ele recebeu a salvação de Deus e seu eterno perdão porque ele reconheceu seus erros e ainda estava em tempo de se carreoender. Se não somos capazes de reconhecermos as nossas próprias falhas, peçamos a Deus que nos capacite para fazê-lo para que possamos nos arrepender dos nossos erros e pecados em tempo de sermos perdoados e recebermos a sua salvação eterna.

Paz e amor trazem paz e amor

Paz e amor trazem paz e amor

A gente sente tudo o que o outro sente; a diferença é como um e outro lidam com certas emoções. Uns preferem ponderar antes de julgar e se livram de negatividades; outros julgam sem sequer considerar as possíveis circunstâncias alheias e permanecem naquilo que lhes causa desgosto, mágoa e decepção, permanecendo sob o sentimento da frustração. “Não fiquem irritados uns com os outros e perdoem uns aos outros, caso alguém tenha alguma queixa contra outra pessoa. Assim como o Senhor perdoou vocês, perdoem uns aos outros” (Cl‬ ‭3:13‬).

Deus nos ajude!

Deus nos ajude!

Deus nos ajude para que possamos ajudá-los. Deus nos abençoe para que possamos abençoá-los. Deus nos fortaleça para que possamos fortalecê-los. Deus seja conosco, amém 🙏🏼

Resposta de Deus

Resposta de Deus

Deus nos respondendo É Deus falando conosco sobre a renovação da unção sobre nossos dons e ministérios a cada dia em que “sempre estamos com ele”, buscando fazer a sua vontade de levar o evangelho a toda criatura. E, assim, correspondendo ao seu chamado, as demais coisas nos serão acrescentadas e, por isso mesmo, não precisamos ficar preocupados. Deus está conosco! (Mt 6:33,34) “Não se aparte da tua boca o livro desta Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito; porque, então, farás prosperar o teu caminho e, então, prudentemente te conduzirás. Não to mandei eu? Esforça-te e tem bom ânimo; não pasmes, nem te espantes, porque o Senhor, teu Deus, é contigo, por onde quer que andares.”
‭‭Josué‬ ‭1‬:‭8‬-‭9‬ ‭

Ser paradoxal!

Ser paradoxal!

Quando de fato não me importo. Tem gente presente como se fosse ausente, e tem gente ausente como se fosse presente. Damos valor ao que não temos e desvalorizamos o que temos. Ser humano é um bicho complicado. Nunca tá feliz com o que tem e sempre tá feliz com o que não tem. É porque a verdade que está nele é efêmera e momentânea, ligada aos valores terrenos em que os eternos não importam. Vivemos de aparências, palavras vazias, mas o importante é demonstrar algo, falar algo, mesmo que seja para nada, a não ser para se mostrar presente, mesmo que ausente segundo a própria realidade.

Aproveite a oportunidade!

Aproveite a oportunidade!

Devocional de hoje: Vi Jesus na visão de hoje e vi folhas de árvores balançando na visão como as que vi na estrada. O Senhor dá sabedoria e dá revelação àquele que o busca com sinceridade. Ef 1:17.
Verdadeiramente, o Senhor fala com quem quer ouvi-lo de verdade e lhe responde. Aquilo que se fala com Deus em oração sincera ele responde na sua palavra: Sl 44:15-21. Deus não é Deus de desonra nem de vergonha para aqueles que são fiéis a ele:
Deus não é Deus de confusão. Sl 44:7,9,15
“O fato de ser assim desde o início confunde.
O fato de ser bom confunde. O ser bom confunde o mal que está latente. Mas aquele que no momento derradeiro verdadeiramente se arrepender será salvo. Isso porque eu conheço os corações.” Sl 44:21. O Senhor sempre dará uma oportunidade de a pessoa se arrepender, seja no momento da morte ou mesmo antes, de acordo com a sua onisciência; é a última oportunidade. Sl 44:16-20 — Uma pessoa ora a Deus sobre certas conversas com relação a determinado assunto cujas opiniões divergem da sua, pois a sua é baseada na palavra de Deus que talvez alguns não consigam compreender e aceitar. E ela está no meio dessas pessoas e entende que não devo falar sobre o seu entendimento porque muito provavelmente não compreenderiam ou não aceitariam, e isso poderia gerar uma polêmica desnecessária. Nada como o tempo para esclarecer as mentes. Por isso, pergunta a Deus sobre como deveria agir e pede a ele que lhe dê esclarecimento sobre essa situação de acordo com a sua palavra e com a sua verdade revelada, que ele lhe esclareça sobre esta verdade que nada tem a ver com a verdade escolhida pelos homens. Diz a Deus que permanece no seu entendimento (vv. 16-18) e que gostaria de saber se o seu entendimento está correto e que ele lhe esclareça se isso é verdade acerca desse assunto para que possa pensar e falar com propriedade. Entende de Deus que ele lhe dá boca e sabedoria para falar e para calar no momento certo. v. 16 — aquele que, por causa do inimigo, defende as coisas que o homem aprova, mas Deus não aprova, e com isso afronta o próprio Deus, muitas vezes levado pelo engano porque não sabe o que está falando (Lc 23:34) e pensa que sabe (Pv 12:15-28; 1 Co 3:18; 8:2), pois são os enganos do mundo que confundem a mente do desavisado —> vv. 20,21a. “O que se está vivendo são os pecados da vida. Como disse alguém nessa conversa: se for buscar alguém perfeito, você não vai encontrar ninguém; e ele está certo porque todos pecam.
A minha palavra não muda. O teu entendimento está correto. O que está escrito em Apocalipse é o certo. E assim será. Mas você deve se precaver, ser prudente, e não falar com qualquer pessoa, mas somente com aquelas que realmente estão preparadas para ouvir e que podem compreender a tua mensagem evangelistica para salvação.”
Revelação de Deus. Versículos do dia: “Por isso, desde que ouvi falar da fé que vocês têm no Senhor Jesus e do amor que vocês têm por todos os irmãos na fé, não paro de agradecer a Deus por causa de vocês. Eu sempre lembro de vocês nas minhas orações. E peço ao Deus do nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai glorioso, que dê a vocês o seu Espírito, o Espírito que os tornará sábios e revelará Deus a vocês, para que assim vocês o conheçam como devem conhecer. Peço que Deus abra a mente de vocês para que vejam a luz dele e conheçam a esperança para a qual ele os chamou. E também para que saibam como são maravilhosas as bênçãos que ele prometeu ao seu povo e como é grande o seu poder que age em nós, os que cremos nele. Esse poder que age em nós é a mesma força poderosa” ‭‭Efésios‬ ‭1‬:‭15‬-‭19‬ ‭NTLH‬‬.

Deposite sua confiança em Deus!

Deposite sua confiança em Deus!

Meu estado interno, a exemplo do salmista. “Agora, leia a minha palavra para selar as minhas palavras com a minha palavra.” “Clamei a Deus com a minha voz; a Deus levantei a minha voz, e ele inclinou para mim os ouvidos” (Sl ‭77‬:‭1‬). O Senhor respondeu às minhas orações. “Escutai a minha lei, povo meu; inclinai os ouvidos às palavras da minha boca” (Sl‬ ‭78‬:‭1). “Não! Não é em homens de redes sociais que você deve depositar a sua confiança, mas em mim que sou o seu Deus.“ A minha esperança está em Deus. “Eu vou te dar o que você está me pedindo porque você merece, pois conheço a sua mente e o seu coração. Sei os esforços que você tem feito para vencer a si mesma, para superar afrontas e menosprezos; conheço as tua intenções. Sei quem é você. Por isso, vou lhe conceder os desejos do seu coração.” As pessoas vivem vidas terrenas e, muitas vezes, não se voltam para o lado espiritual; por isso, muitas vezes não entendem a espiritualidade das coisas, mesmo sendo cristãs.

Deus esta nisto!

Deus esta nisto!

Foi Deus quem fez isso! Ele sabe o porquê. Não se culpe mais. É o próprio Deus quem tira uma pessoa de um determinado lugar do qual ela quer sair, e sai. Porém, passado algum tempo, ela se arrepende de ter saído dali, e se sente culpada por ter deixado alguma missão para trás. Todavia, depois de muito tempo pedindo perdão a Deus por ter deixado aquele lugar, por ter abandonado certas pessoas que ela tanto amava e que tanto a amavam, chega o dia em que Deus revela a ela que ela saiu daquele lugar pelo poder de Deus. Ela foi motivada por Deus a querer sair dali, ela foi tocada por Deus para querer deixar aquele lugar, mesmo sabendo que deixaria algumas pessoas que ela tanto amava. Essa é uma história real que aconteceu com uma irmã que ficou muito triste e arrependida por muito tempo até que um dia Deus revelou a ela na sua própria palavra através da pregação de uma pastora que foi ele quem a tirou de lá, e assim, seu arrependimento cessou e ela parou de sofrer, pois ela sofria porque se sentia culpada, mas ela não sabia que era o próprio Deus que tinha providenciado aquela situação. E ela até queria continuar, mas uma força mais forte que ela a dominava, chegando a resistir à própria oferta que recebera de trabalhar um dia a menos, recebendo o mesmo salário, já que trabalhava três dias; ela trabalharia apenas dois pelo mesmo salário. Mas mesmo assim ela continuou relutante e não aceitou a oferta e deixou o trabalho e as pessoas daquele ambiente que ela tanto amava, e ela fez aquilo com uma tristeza no coração, mas com uma certeza de que estava fazendo o que era certo, pois ela entendia que o trabalho que estava desenvolvendo não estava completamente dentro das suas perspectivas laborais visto que os recursos que lhe eram oferecidos eram muito defasados e careciam de um aperfeiçoamento para que a sua produção tivesse um rendimento eficaz. Aquilo não condizia com o seu modo de pensar. Ela já não podia aceitar aquilo. Parecia que estava enganando a todos. Fazendo um trabalho que sabia que não ia dar resultado. Como se estivesse pregando uma mentira. Ela não se conformava com aquilo. Ela não conseguia concordar com aquilo. Ela não conseguia mais continuar aceitando aquilo. Ela chegou a sugerir mudanças no modus operandi dos trabalhos da empresa, utilizou seus próprios recursos e aparelhos imprescindíveis para um perfeito desenvolvimento do seu trabalho. Mas ela estava trabalhando sozinha em meio a uma coletividade de profissionais que não se importavam como ela se importava. Não que eles não fossem bons profissionais; ao contrário, eram excelentes profissionais, mas se submetiam à vontade de seus superiores, pois achavam que de nada adiantaria reclamar das carências existentes no ambiente de trabalho visto que isso já tinha ocorrido antes e não houve resultado. Era o que eles tinham; era o que eles usavam. E se davam por satisfeitos. No entanto, ela não queria trabalhar apenas para ganhar um salário; ela queria trabalhar tendo a certeza de que o objetivo do trabalho seria alcançado, mas com aqueles recursos ineficientes isso não seria possível, e isso não condizia com seu entendimento, considerando ainda outras situações que a desagradavam como disputas desnecessárias, intrigas no ambiente profissional. Esses foram os motivos que humanamente ela teve, não sabendo, entretanto, que tudo partia da providência de Deus. E somente depois de muito tempo ela pôde testemunhar do poder de Deus juntamente com outros irmãos que também receberam bênçãos do Senhor, testemunhos para a glória de Deus. Deus fala, Deus responde, Deus cuida, Deus providencia o melhor, e na hora certa ele revela a sua verdade, na hora em que realmente nos colocamos diante de Deus com profundo arrependimento no coração por algo que fizemos e que não sabemos se é certo ou errado. Pedimos perdão a Deus de todo coração porque achamos que erramos quando, na verdade, estávamos sendo conduzidos pela graça de Deus e cuidados pelo seu amor. Deus provê todas as nossas necessidades mesmo quando não entendemos. Outra coisa muito importante é que precisamos saber que nós precisamos dos outros sim, mas dependência somente de Deus. Precisamos uns dos outros, mas todos dependemos unicamente de Deus. Outra coisa importante é que mesmo em meio às dificuldades precisamos aprender a passear no meio do fogo assim como fizeram Sadraque, Mesaque e Abednego na fornalha de fogo quando Jesus chegou e transformou todo aquele fogo em um ar refrigerado. É com certeza e pela fé no poder de Deus que eu posso dizer neste momento que haverá nomeação para promoção que vai gerar prosperidade; uma cadeira de honra de príncipe e de princesa, pois quem é como o nosso Deus? (Sl 113:5) Não há outro Deus além do nosso Deus; somente Deus é Deus (1 Cr 17:20; Is 45:5,18). Eis a resposta que ela recebeu de Deus: “E demitir-te-ei do teu ofício e te arrancarei do teu assento.” Ou: “Vou demitir você da sua alta posição, vou tirar você do seu alto cargo” (Is 22‬:‭19‬). Há todo um contexto anterior e posterior a este versículo, mas Deus a fez atentar especificamente para este versículo. Leitura recomendada: Daniel 3

bottom of page