Choro bom!

Não é qualquer choro, mas chorar com a consciência de que fez a coisa certa. E não é necessariamente choro de lágrimas, mas o choro da alma que busca a paz em Deus que a concede àqueles que buscam conhecer a verdade e Deus assim lhes revela.

“Felizes as pessoas que choram, pois Deus as consolará” (Mt‬ ‭5:4‬).

“Por isso Abraão, por meio da fé, “foi aceito por Deus” (Rm‬ ‭4:22‬).

“Deus o aceitou” (Rm 14:3).

“Mas guarde entre você mesmo e Deus o que você crê a respeito desse assunto. Feliz a pessoa que não é condenada pela consciência quando faz o que acha que deve fazer!” (Rm‬ ‭14:22).

Mas algo nos toca o coração sobre como podemos contribuir para o crescimento espiritual do próximo. Quando a nossa reação é buscar a Deus para compreender determinadas situações nas quais poderíamos nos sentir culpados, Deus nos responde que é pecado quando fazemos alguma coisa que não se baseia na fé (Rm 14:23). Logo a partir do momento em que se busca a Deus e dele se obtém o esclarecimento sobre a realidade das coisas, já não estamos em pecado, mas debaixo da graça e da paz de Deus.

Destaque