Não mexa com o que tá quieto!

Quem quer falar de sexo? E de sexo sem compromisso?

“Ah, isso é coisa de crente chato e antiquado!!!”

Mas seria antiquado cuidar do nosso corpo para não sofrer as consequências do mau uso?

O que seria um mau uso?

Seria, na questão em foco, manter esse tipo de relacionamento apenas pelo prazer orgástico, pela tentação da sedução, pelo estado de fome instintivo, sem um envolvimento mais profundo e primordial do amor e dos respectivos valores que o acompanham.

Sabe quando se faz sexo e depois fica com nojo de si mesmo? Ou quando o faz e se cobra uma postura de dignidade inexistente, tipo: “Ah, eu mereço mais que isso!!!”

Pois é. Não é questão de ser puritano ou de demonstrar santidade, pois todos carecemos da misericórdia de Deus. Mas quando Deus nos fala para evitarmos esse tipo de coisa é porque ele sabe o que é o melhor para nós.

Manter um relacionamento sadio e esperar o momento certo depois que o amor está pronto, ou seja, depois que o amor já tenha sido estabelecido nos corações do casal, é o recomendado por Deus, pois é o amor que segura um relacionamento e não o sexo.

Jesus nos ensina a obedecer a tudo o que ele nos ordenou, e, assim, ele sempre estará conosco para nos livrar das mazelas da nossa alma inconsequente e imprudente. (Mt 28:20).

Quem tem Cristo tem força para usar “bem” o corpo e sabedoria para não usá-lo instigado pelas pulsões.

Esse é um tema que muitos tentam evitar, lamentavelmente.


Destaque
  • 7 livros
  • LinkedIn ícone social
  • 10411954_685602844810247_333669641129231921_n
  • 105877862_3304579512893603_5748729188284
  • Litwin, Edith.
  • 11060882_418988858270919_2397584092961867947_n
  • Instagram
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon

© 2016 por Monica Campello. Escritora para a glória de Deus! Professora graças a Deus!